Clique para Fechar










No dia cinco de junho foi comemorado o dia Internacional do Meio Ambiente e a data sugere uma reflexão sobre as questões ambientais não apenas pela passagem da data, mas de modo permanente. Meio ambiente é mais que um compromisso legal, é uma questão de educação. E pode ser entendida como uma metodologia em que cada pessoa pode assumir o papel de membro do processo de ensinar e prender. Os problemas ambientais ocorrem pelo modo de vida que a humanidade adotou, na qual a sobrevivência’ do homem e a produção de alimentos promove uma utilização exagerada dos recursos naturais levando a uma situação de crise.

As questões ambientais são tratadas de forma midiática, mas precisam ser preservadas para que tenhamos boa qualidade de vida dos seres humanos, desta e das próximas gerações. Cresce a necessidade de aumentar a oferta de alimentos no mundo, à medida que aumenta o número de habitantes e essa lógica leva a produção em escala industrial nem sempre levando em conta os preceitos legais necessários à preservação ambiental sustentável.E o desenvolvimento sustentável ocorre a partir de uma lógica que satisfaça as necessidades do presente, sem comprometer a capacidade e as necessidades das gerações futuras, pois o saber ambiental emerge de uma reflexão sobre a construção da própria vida humana na Terra.

Os problemas ambientais têm causado danos à natureza e são decorrentes principalmente da ação inadequada do homem, que vem contribuindo para a degradação do meio ambiente. É importante analisar a importância da educação ambiental no âmbito da sociedade e mostrar como ela pode ser uma ferramenta para a conscientização ambiental e mitigação de danos causados pelo homem.
A educação ambiental é um processo participativo e contínuo da sociedade, fundamental para a consciência crítica acerca dos problemas ambientais existentes. A preocupação com o meio ambiente revela que estamos vivendo um momento de desequilíbrio e desarmonia, causados pela própria sociedade, pela mão pesada do homem. Dessa forma, é necessário que haja uma busca para se alcançar um equilíbrio entre a relação homem x natureza, isto é, produção/meio ambiente, visando buscar alternativas sustentáveis e mudar o comportamento frente a essa problemática.

A educação ambiental permite uma consciência crítica da sociedade acerca da questões ambientais e é uma ferramenta que visa novas atitudes, práticas de preceitos ambientais e minimização dos danos causados à natureza. Com isso, a sociedade adota soluções para a mitigação de problemas que ela mesma causa, contribuindo para a diminuição de desastres e degradação ambiental.
A Copérdia trabalha com diversas atividades que, se não forem conduzidas de forma adequada, provocam estragos significativos à natureza, contudo, adotamos práticas e políticas alinhadas com a Legislação para que a produção de suínos, aves, leite, grãos, tratamento de madeira e fábrica de ração atuem de forma sustentável e ambientalmente responsável. Queremos produzir alimentos em harmonia com a natureza para garantir boa qualidade de vida à geração atual e futura.

Vanduir Martini, segundo vice-presidente e diretor geral.




ADMINISTRAÇÃO DA COOPERATIVA





Diretoria Administrativa
Valdemar Bordignon Presidente
Ademar da Silva Vice-Presidente
Vanduir L. Martini 2º Vice-Presidente
Vilmar Camillo Secretário


Conselho de Administração
Carlos Filipini Capinzal
Eliseu L. Balestrin Água Doce
Daniel Guesser Ibicaré
Cleide M. Filipini Joaçaba
Oneide Marafon Xavantina
Nestor José Boll Peritiba
Claudio Casagrande Concórdia
Idilse S. M. Canton Ipumirim
Conselho Ética
Anita Bauer Lermen Arabutã
Claudio Kohler Canoinhas
Edinara Rivieira Arvoredo
Fernanda Ribeiro Basso Concórdia
Eduardo Basso Concórdia
Revelino Luiz Abatti Joacaba
Laercio Schwaizer Ipira
Astor Melchiors Ipumirim
Odilei Janete F. Spagnol Ce Itá
Hilario Costa Lindóia do Sul
Altair Dalbello P C B
Gelsi Lurdes Maltauro Peritiba
Juliano Henrich Capinzal
Alencar Fidencio Saretto Ponte Serrada
Airton Giombelli Seara
Edemilson José Ferronatto Treze Tilias
Marcos Antonio Schumacher Mafra
Dhiego Costa Herval D Oeste
Umberto Andrioni Ouro
Conselho Fiscal
Ermes Munarini Efetivo
Celsio Afonso Rosa Efetivo
Flávio Triques Efetivo
Cleci Fátima Machado Cassol Suplente
Everton Adriano Lutz Suplente
Juliano Henrich Suplente







<